Categorias
Arquitetura Curiosidades Engenharia Civil Estruturas Metálicas

A EVOLUÇÃO DO AÇO NO BRASIL

Como gostamos de manter nossos clientes e visitantes informados, trouxemos nessa matéria um pouco sobre história da evolução do aço no Brasil.

Em 1779 uma ponte sobre o Rio Severn, na Inglaterra, foi a primeira construção civil que utilizou o aço em sua composição. O projeto, ousado para época, foi feito pelo arquiteto e decorador Thomas Pritchard.

Estórias da História: A Ponte de Coalbrookdale
Ponte sobre o rio Severn, Coalbrookedale. 1777 – 1779. Projeto de Thomas Pritchard. Execução de Abraham Darby III. Fonte: Google Imagens
Para saber mais sobre o projeto clique:
https://pt.qwe.wiki/wiki/The_Iron_Bridge

A ponte, estruturada em ferro fundido, com adornos em arco e seus pilares de pedra, deram ênfase à uma atmosfera muito charmosa. Você, leitor, não consegue imaginar uma cena do Senhor dos Anéis ou então qualquer outro filme fantasioso, quem sabe até romanesco? Pois é, nós também!

Saindo da fantasia e voltando aos fatos , apesar de caro, a resistência do material permitiu construções maiores e de diversos tipos, dando asas a imaginação, que foi sem dúvidas um marco na história da arquitetura.

Infelizmente, o aço demorou para dar as caras no Brasil, apenas no século XIX ele botou a cara no sol como material indispensável na construção civil. Na época, fizeram a junção do concreto + aço, onde surgiu o concreto armado. Assim, foi descoberto um produto resistente às tensões de compressão (característica do concreto), e também resistente à tração (característica do aço).

Com o concreto armado foi possível construir edifícios cada vez mais altos, como o primeiro arranha céu do mundo, com 15 andares. Era o Edifício Ingalls, em Ohio. Poucos acreditavam que o prédio fosse ficar de pé por muito tempo.
Depois da comprovação de que o aço era, não só capaz de manter um edifício de pé, mas ainda de reduzir custos, abriram-se novas possibilidades de construções e muitas outras vantagens, se consagrando como um material fundamental.

Á partir de 2003, conhecido pela qualidade e resistência, o aço começou a ter uma produção maior, as pessoas começaram a pensar e estudar mais sobre ele. O Brasil experimentou um grande crescimento econômico e industrial, a construção civil alcançou números radiantes. O mercado exigiu obras mais rápidas e o material ganhou o seu espaço consagrado.

Aumentou-se, então, a busca por profissionais qualificados para lidar com este tipo de material. Tanto os recursos materiais, quanto os recursos humanos foram evoluindo, o que ainda acontece nos dias de hoje.
Uma das primeiras obras de grandes porte no Brasil foi a ponte de Niterói no Rio de Janeiro, belíssma em sua longitude. O MASP na movimentada Avenida Paulista, em São Paulo, também é um exemplo.

Ponte Rio-Niterói – Engenhareia
Ponte Presidente Costa e Silva – Rio Niterói – Rio de Janeiro.
Fonte: Google imagens
Para saber mais sobre o projeto clique:
https://diariodorio.com/historia-da-construcao-da-ponte-rio-niteroi/


MASP – Museu da Arte, projeto de Lina Bo Bardi. Fonte: Google Imagens.
Para saber mais sobre o projeto clique:
https://masp.org.br/exposicoes/lina-bo-bardi-habitat

Se antes as pessoas olhavam desconfiadas para os prédios erguidos com estruturas metálicas, hoje estas construções são motivos de admiração. A edificação do MASP foi feita de concreto armado e, naquela época, era o único que possuíam um vão aberto tão grande, com cerca de 76 metros. Desafio que só foi alcançado com o uso do aço junto ao concreto.

Assim como outras diversas e admiráveis obras arquitetônicas que existem, o aço está cada vez mais visto, usado e aproveitado, só tende a crescer mais e mais, por levar sua flexibilidade, versatilidade e rapidez nas construções.

Na Copa do Mundo de Futebol, realizada aqui no Brasil em 2014, os estádios foram construídos em tempo recorde por conta do uso das peças de aço. As construções do Programa do Minha Casa Minha Vida, onde a Prime Gattai também participou, foram ofertados casas e apartamentos populares para pessoas de baixa renda, no qual também se beneficiaram com o uso das estruturas metálicas.

Além disso, podemos citar aeroportos, inúmeros edifícios, hotéis. Além da rapidez na entrega, o aço deixa a construção mais resistente, elegante, sustentável e, é claro, eficiente. Como podem observar, certamente a evolução do aço no Brasil e no mundo terá constante crescimento.

Esperamos que tenha gostado e, nunca esqueça, pode contar com a gente quando o assunto for estruturas metálicas!

Muito obrigada por ter vindo até aqui.

Até mais.